cor dos dentes

Cor dos dentes: qual é o tom ideal e natural para você?

Tempo de leitura 3 min

O sorriso afeta diretamente a autoestima, e quando se trata de estética, a cor dos dentes tem grande influência na satisfação das pessoas com a própria aparência. Não basta, no entanto, se dispor a fazer um clareamento dental: é preciso procurar um profissional para avaliar qual procedimento é o mais indicado, visto que o dente pode escurecer por diversos motivos.

Continue a leitura deste post para conferir as principais causas que alteram a cor dos dentes e como é possível saber o tom ideal para você!

Que fatores provocam o escurecimento dos dentes?

A seguir, saiba as principais causas dos dentes escurecidos.

Má higiene bucal

A má higiene bucal é um dos fatores que mais interferem na tonalidade dos dentes. Isso acontece porque uma escovação precária e o não uso do fio dental, favorecem o acúmulo da placa bacteriana e de restos de alimentos, que acabam deixando o sorriso mais amarelado.

Uso de medicamentos

O uso de alguns medicamentos, como antibióticos, tende a causar manchas de tom amarelo ou marrom na dentição — principalmente se forem utilizados com frequência durante a infância, quando os componentes dentários ainda estão em formação.

Consumo de alimentos muito pigmentados

O consumo diário de alimentos com grande pigmentação também influencia bastante na cor dos dentes, pois ocorre a adesão do pigmento na superfície dentária.

Abaixo, veja alguns alimentos que alteram o tom do sorriso:

  • café;
  • refrigerante;
  • molho de tomate;
  • shoyu;
  • chocolate;
  • vinho.

Trauma dentário

Dentes que sofreram um trauma podem adquirir uma coloração cinza, roxa ou marrom. Isso ocorre porque a pancada provoca a falta suprimento sanguíneo da polpa dentária — uma estrutura responsável pela vitalidade do dente.

Quando o clareamento é indicado?

O clareamento é considerado a melhor opção para quem deseja um procedimento conservador e que proporcione, de fato, dentes mais brancos. Ele é indicado àquelas pessoas que buscam um sorriso claro e iluminado, mas sem perder a naturalidade.

Como saber qual é o melhor tom para os seus dentes?

Naturalmente, os dentes não são brancos como muitos pensam. Desse modo, nem sempre será possível chegar a um tom extremamente claro com o clareamento, pois o resultado desse procedimento depende da tonalidade natural da dentição.

O ideal é que a cor do sorriso seja agradável para o paciente, mas que também harmonize com o seu tom de pele.

Quais são os riscos de tentar clarear a cor dos dentes com receitas “milagrosas”?

O uso de receitas caseiras com bicarbonato, limão, carvão ativado e outros ingredientes oferece diversos riscos e não proporciona os resultados esperados. Esses métodos podem causar desde o desgaste dentário até queimaduras na mucosa oral, o que leva a complicações secundárias como sensibilidade e manchas.

Se você deseja mudar a cor dos dentes e ter um sorriso mais branco, não deixe de procurar um dentista de sua confiança. Durante a consulta, o profissional utilizará uma escala de cores para saber qual é o tom atual do seu dente, além de avaliar suas condições de saúde bucal e a real necessidade do clareamento.

Gostou deste post? Então, compartilhe-o nas redes sociais para informar outras pessoas sobre esse assunto!

será que eu preciso de aparelho

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.